falecom@consecti.org.br
(61) 3702-1740

Fapemig inicia Centelha 2 com webnário de boas-vindas - Consecti

Giro nos estados
15 fevereiro 2024

Fapemig inicia Centelha 2 com webnário de boas-vindas

A Fapemig realizou, na última sexta-feira (26), o 1º Webnário do programa Centelha 2, com o objetivo de dar boas-vindas às empresas contratadas em Minas Gerais e repassar algumas orientações que irão nortear os projetos. No Estado, até o momento, 21 empresas foram contratadas que terão o aporte de aproximadamente R$1,3 milhão para desenvolverem suas ideias.

O presidente da Fapemig, Carlos Arruda, iniciou o webnário parabenizando os projetos aprovados e comemorando a realização de mais uma edição do programa junto à Fundação. “É um prazer ter o Centelha conosco em mais um ano. Acreditamos que a parceria com a Finep [Financiadora de Estudos e Projetos] é muito importante para nós para o desenvolvimento da inovação em Minas”, destaca.

O primeiro momento do encontro também foi marcado pela palestra “Do sonho à realidade: como vencer as adversidades e prosperar no mundo empreendedor”, ministrada por Arruda. Ele destacou processos e ideias que prosperam dentro do sistema de inovação e empreendedorismo.

Guilherme Fonseca, agente de inovação da Diretoria de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Finep, destacou a colaboração como objeto de capilaridade da ciência e tecnologia no Brasil. “Ele abrange todas as empresas e os principais pensadores que se esforçam para trazer a inovação para o país. A parceria da Finep com as Faps consegue disseminar essa ideia para todos os estados”, comenta.

Já Priscila Procópio, da Fundação Certi, responsável por organizar o Centelha a nível nacional, reforçou o privilégio em participar do programa e os benefícios oferecidos aos selecionados. “Sabemos que o processo do Centelha é  desafiador,  realmente extraímos o melhor dos melhores. O desafio de vocês está só começando, agora é mostrar para o que vieram”, parabenizou ela, também destacando os conteúdos disponibilizados pela FAPEMIG como grandes objetos de aprendizagem e capacitação.

Orientações

No período da tarde, foram repassadas orientações sobre Solicitações de Alteração de Processo (SAP), Prestação de Contas Técnica e Prestação de Contas Financeira, procedimentos da FAPEMIG com os quais os beneficiados deverão lidar durante a execução do programa. Na oportunidade, algumas dúvidas foram levantadas e sanadas. A equipe da FAPEMIG também aproveitou para exemplificar os processos, principalmente ligados ao preenchimento correto das solicitações.

Nos próximos dias, será divulgado o primeiro Boletim Centelha 2 com as orientações mais detalhadas aos participantes do programa e as datas das primeiras capacitações. O webnário também foi gravado e poderá ser disponibilizado àqueles que solicitarem ao Departamento de Proteção e Transferência de Conhecimento (DPT) da FAPEMIG, pelo e-mail centelha_2@fapemig.br.

Programa Centelha

O Centelha MG tem o objetivo de promover a inovação, o desenvolvimento de novas tecnologias e a geração de novas empresas, empregos e ganhos econômicos para o Estado. Em sua primeira edição, o Programa contemplou 15 projetos das 523 ideias submetidas, totalizando R$1 milhão em investimentos. Atualmente, o Programa está em sua segunda edição, compreendendo 21 empresas contratadas e R$1,6 milhão em investimentos.

O Programa Centelha é promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) e pela Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Conselho Nacional das Fundações Estaduais de Amparo à Pesquisa (Confap). É operado pela Fundação CERTI e, em Minas, é executado pela FAPEMIG.

Fonte: SEDE MG